Roteiro Nova Iorque (EUA): como funciona o transporte em NY – metrô e ônibus   Atualizado!


Nova Iorque é um dos destinos mais visitados do mundo, mas locomover-se por lá não é tarefa fácil: trânsito infernal e uma rede de metrô enorme que confunde muita gente. Confira nossas dicas para aproveitar melhor e não se perder por lá!

 

Andar por Nova Iorque é muito prático, pois uma vez que localizar-se entre as ruas numeradas fica fácil saber em qual direção ir para chegar ao seu destino. Chegar até ele pode ser através de táxi (média de $2.50 a $3.50 a milha), metrô ($2,75 passagem por pessoa, inclusive crianças) e, através outros aplicativos como por exemplo, o Uber (consultar em tempo real). Acontece que por muitas vezes o trânsito será tão intenso que é melhor ir a pé. Quando estiver fora do horário de pico e o destino for mais afastado, use táxi, por experiência já travessamos a ilha de ponta a ponta e o táxi nos custou $ 19 com para 4 pessoas.

O metrô só é legal quando não está muito cheio, pois em horários de superlotação eles param apenas nas estações principais (a cada 2 ou 3 estações) e isso pode te deixar fora na rota e por fim a pé novamente. Com um pouquinho mais de investimento terá mais conforto e poderá poupar as pernas para outras atrações. Além disso, a atenção é importante dentro do metrô, pois, diferente do Brasil em que os metrôs seguem uma linha (cor) até o fim das estações, o metrô de NY é organizado por letras, então é preciso saber qual “letra” te possibilitará descer mais próximo ao seu destino. Em um mesmo túnel várias linhas passam (veja foto do mapa abaixo) e por serem muito extensas, a possibilidade de distrair-se e perderem-se aumenta. Consulte o valor do cartão de tarifas x quantidade de dias que pretende usar o serviço, há cartões que podem ser usados por até 7 dias ou mais.

O segredo do Táxi, como já comentamos é saber exatamente onde está e em que direção quer seguir. Estrategicamente peça um táxi já no sentido de seu destino. Se levar malas, os motoristas costumam cobrar uma caixinha de pelo menos $ 1 por mala. Os americanos têm mania de “roubar” seu táxi, então acene mesmo para o motorista e seja breve ao entrar e sair do veículo. Outra dica é sempre anotar o número do táxi, qualquer ofensa, item que perder, se sentir-se lesado ou algo do tipo, basta ligar para a polícia e passar o número do Táxi que eles te ajudarão.

Link metrô: https://new.mta.info/fares-and-tolls/subway-bus-and-staten-island-railway/about-metrocard

Aplicativos do Metrô de Nova Iorque

Aplicativo útil em Nova Iorque

  • Google Maps, que indicará qual entrada, qual trem pegar, etc. Ele costuma ser muito útil;
  • Baixar os app’s do metro de NY (links acima).

Ônibus Hop-on / Hop-off

No site https://www.sightseeingpass.com/pt/new-york/hopon-hopoff-bus você consegue ver em português e selecionar qual linha do ônibus turístico deseja e ver o trajeto de cada ônibus. Nesses ônibus turísticos, há opção de subir e descer desses ônibus pagando uma única tarifa. Os ônibus circulares passam pelos principais destinos e atrações. Assim, pode descer e curtir, depois voltar em outro ônibus da mesma linha/empresa. Há as seguintes linhas:

  • Downtown Tours
  • Uptown Tours
  • Brooklyn Tours
  • Night Tour
  • Ferry Tour

Selecione o tour que você contratou e veja o trajeto do ônibus e suas paradas no site.

Confira as paradas e rotas clicando aqui.

 

Confira os todas as dicas sobre Nova Iorque clicando aqui.

Pesquise e reserve hotéis em Nova Iorque com o Booking, clicando aqui.

 

Tem alguma dica para Nova Iorque? Quer compartilhar conosco? Deixe seu comentário.

 

PLANEJE E RESOLVA SUA VIAGEM ONLINE COM OS MELHORES DESCONTOS

Comentários

Sobre Daniela Santos Araujo

Meu nome é Daniela - mas a maioria me chama de Dani - sou formada em administração e resolvi encarar o desafio de além de conquistar uma segunda profissão, ser especialista na língua inglesa. Sou apaixonada por livros, séries, filmes e meu hobby é cozinhar. Amo aprender sobre novas culturas e tenho o sonho de viajar pelo mundo, testar receitas de diversos países e juntar tudo o que tiver de experiências para repassar para o maior número de pessoas possíveis. Acredito que tudo o que aprendemos nessa vida não serve de nada se não é compartilhado: conhecimento e cultura são coisas que quanto mais compartilhamos mais recebemos de volta. Por isso, também sou professora bilíngue na educação infantil. Loucura? Um pouco, mas amo tudo o que faço.

Deixe seu comentário