Cataratas Brasileiras X Cataratas Argentinas: qual vale a pena?


Muita gente pergunta qual a diferença e qual vale a pena colocar no roteiro em uma viagem para Foz do Iguaçu. A resposta é simples: depende, e caso tenha tempo disponível, faça as duas. São locais e passeios diferentes.

Tive a oportunidade de fazer um dia inteiro em cada uma e vou relatar aqui um pouco da minha impressão.

Caratas do Iguaçu – Lado Brasileiro
Ao chegar as cataratas brasileiras, percebe-se uma estrutura turística muito boa: amplo hall de entrada, ônibus com ar condicionado que faz o trajeto interno no parque das cataratas, elevador, entre outras coisas. Minha impressão é que o parque é mais estruturado que o Argentino, o que é reflexo também da situação econômica do país. O passeio pelo lado brasileiro possui algumas paradas no ônibus, porém quase todas elas são pagas a parte. Incluso no valor do ticket somente a última parada, que é a principal, onde se pode ver as cataratas.

Antes de falarmos dela, para quem deseja fazer o passeio de bote, conhecido como Macuco Safari, é só descer numa das primeiras paradas. O passeio é pago a parte e inclui um passeio de jipe e o bote que vai até as cataratas brasileiras. O valor do ingresso para esse passeio varia entre R$ 107 a 215 (consulta feita em fevereiro de 2017).




Após descer do ônibus interno do parque, há uma trilha bem estruturada que você deve seguir (mapas são distribuídos na entrada do parque e a trilha é segura e bem sinalizada), com duas opções: mais curta e outra maior, onde se aproveita mais a natureza. Recomendo fazer a maior, pois ainda é pequena e você passa por diferentes visões das cataratas.

Em uma visita feita em 2015, o lado brasileiro possuía um mapa em braile para deficientes visuais, porém estava dentro de uma caixa de vidro trancada com cadeado. Ora bolas, qual a função disso então?

De forma geral, o lado brasileiro é mais estruturado, organizado e limpo que o argentino. O ponto alto é a proximidade que se chega da queda das cataratas, podendo ir até a beira das quedas se desejar. Esteja preparado para se molhar!
Como ponto negativo, o parque é mais caro que o argentino e com menos atrações para se explorarem. O passeio pode ser feito em metade de um dia.

Cataratas do Iguazu – Lado Argentino

O lado argentino reserva um amplo parque verde, com diferentes trilhas que podem ser feitas a pé em sua maioria, porém há um trem que circula por algumas áreas do parque. Assim como no lado brasileiro, mapas são distribuídos na entrada o parque. O contato com a natureza é o ponto alto do parque: você verá facilmente diversas espécies de animais, como macacos e iguanas por exemplo, atravessando a trilha. Fique atento pois esses seres são bem rápidos e costumam roubar comida dos turistas mais desatentos. Apesar desse alerta, o parque é seguro e vale a muito a visita. Você poderá andar por sobre as cataratas em uma imensa passarela e ficará espantado com a grandiosidade do local. As trilhas do parque reservam uma série de cachoeiras e você será surpreendido passando por cima, por baixo ou no meio delas.

De forma geral, achei o parque maior (ao menos do ponto de vista turístico), porém um pouco mal cuidado, se comparado ao brasileiro. As trilhas que precisam ser escolhidas reservam surpresas e visuais incríveis. Assim como no lado brasileiro, o parque conta com um passeio de jipe+bote, aqui chamado de Gran Aventura, porém um pouco mais barato: entre $150 e $ 310 pesos argentinos (equivalente a R$ 60 a R$ 120, consulta realizada em fevereiro de 2017).

Se estiver disposto a andar, reserve um dia inteiro para explorar o parque. Acredite: pode ser que não seja suficiente para fazer todas as trilhas e explorar tudo que o parque tem.

Qual das duas cataratas escolher? A resposta é depende. Se quem for visitar não curtir caminhar e quiser apenas conhecer rapidamente, recomendo o parque do lado brasileiro. Se estiver disposto a explorar bem vários ângulos das cataratas e quiser passar por várias cachoeiras, recomendo o lado argentino. Se puder ainda, faça os dois, pois são bem diferentes.

Serviço: Cataratas do Iguaçu (lado Brasileiro)
Aberto diariamente das 9h às 17h
Endereço: BR 469, KM 18, Foz do Iguaçu PR
Telefone +55 (45) 3521-4400
Site www.cataratasdoiguacu.com.br
Tickets variam de conforme a nacionalidade do visitante (brasileiros pagam entre R$ 10 e R$ 37. Estrangeiros pagam entre R$ 10 e R$ 63).

Serviço: Cataratas do Iguazu – Lado Argentino
Aberto todos os dias, das 08h à 16h30
Endereço: Parque Nacional Iguazú Argentina se localiza na Ruta 101, Km 136 (C.P: -). Puerto Iguazú – Misiones, Argentina.
Telefone: +54 (3757) 49-1469
Site: www.iguazuargentina.com
Tickets variam de conforme a nacionalidade do visitante (argentinos pagam entre 0 e $ 200 pesos argentinos. Estrangeiros pagam entre $ 60 e $ 330 pesos argentinos – cerca de R$ 66).

E você, já visitou as duas cataratas? Qual das duas prefere? Tem alguma dica ou recomendação? Deixe seu comentário.

Confira tudo que já foi publicado sobre Argentina clicando aqui.

Confira tudo que já foi publicado sobre Foz do Iguaçu clicando aqui.

 

PLANEJE E RESOLVA SUA VIAGEM ONLINE COM OS MELHORES DESCONTOS

Passagens aéreas em promoção em até 12x com a ViajaNet

Reserve o hotel perfeito para sua viagem com desconto exclusivo Booking

Aluguel de carro: contrate online em até 12x e sem IOF com a RentCars

Compre chip de celular (voz e dados/internet) online com 30% de desconto com a EasySIM4U

Dólar, Euro, Peso e outras moedas com as melhores taxas com a CâmbioStore

Cruzeiros pelo Brasil e no Mundo com a Logitravel em até 10x

Compre ingressos e ticket's das principais atrações

 

COMPARTILHE SUAS HISTÓRIAS E DICAS DE VIAGEM

Quer compartilhar suas dicas de viagem com outros leitores do ViajaTerapia? Envie suas dicas, recomendações, indicações de hotéis, restaurantes, atrações e passeios.

Você pode contribuir deixando seu comentário nos artigos do site, enviando uma mensagem através do formulário de Contato ou por e-mail contato@viajaterapia.com 

 

Comentários

Sobre Pedro

Apaixonado viajar e falar sobre viagem. De tanto que gosta do tema, resolvi fazer esse blog para contar sobre as viagens que fiz e as que estou planejando fazer. Fui a mais lugares do que já pensei que pudesse e a menos do que gostaria. Quando mais diferente a cultura, mais interessante fica a viagem. Além de “Disneymaníaco”, gosto especialmente de conhecer as mais diferentes culturas e pessoas.

Deixe seu comentário